27 de mai de 2013

O técnico Zé Roberto Guimarães aposta em Dani Lins para mais um ciclo olímpico

Antes das Olímpiadas de Londres, a busca de Dani Lins pela vaga na equipe foi intensa e decidida apenas semanas antes da
competição. No entanto, a evolução da levantadora foi tamanha que ela conseguiu a vaga de titular e foi um dos destaques da equipe.
Agora, a atleta participa de um novo ciclo olímpico com o técnico osé Roberto Guimarães, mas desta vez desde o começo.
Dani Lins está de volta a Saquarema, onde fica o Centro de Treinamento da Sleção Brasileira, agora com novos objetivos: o Montreux
Volley Masters, de 28 de maio a dois de junho, e o Torneio de Alassio, que acontecerá de 4 a 10 de junho, na Itália.
"Começamos bem o ciclo olímpico. A equipe tem treinado forte. E espero iniciar com o pé direito em Montreux. Temos que trabalhar ainda mais. Tanto em 2009 quanto agora temos uma mescla de jogadoras novas e experientes. Isso é muito bom para os dois lados. O grupo está muito animado. Nossos principais objetivos continuam sendo Mundial e Olimpíada", ressaltou a jogadora.
O embarque do Brasil para a Suíça será neste sábado. Já a estreia no Montreux Volley Masters está agendada para a próxima terça-feira. No entanto, o pensamento de Dani Lins também está nos próximos Jogos Olímpicos, no Rio de Janeiro.
"Sabemos que por ser no Brasil, haverá uma cobrança maior nos Jogos Olímpicos, mas isso faz parte. No entanto, ainda tem muita coisa para acontecer antes disso. Temos que trabalhar duro no dia a dia para as coisas acontecerem", afirmou.
Desta vez, quem se surpreendeu com a convocação de Zé Roberto foi Juciely. "Não esperava voltar agora porque nós, da Unilever, terminarmos um pouco mais tarde com a disputa do Sul-Americano de Clubes. Estou um pouco fora de forma, pois fiquei duas semanas paradas, mas estou aqui para ajudar. É um novo ciclo. Toda a oportunidade é bem vinda. Tenho que trabalhar para essas oportunidades aparecerem", garantiu a atleta.
Além delas, também integram a Seleção as levantadoras Claudinha e Fabíola, as opostos Monique e Tandara, as ponteiras Fernanda Garay, Ellen, Priscila Daroit e Michelle, as centrais Bia, Adenízia, Angélica e Letícia Hage, e as líberos Suelen e Camila Brait.

Nenhum comentário:

Postar um comentário