30 de mai de 2013

Seleção brasileira vence Rússia no Montreux Volley Masters, na Suíça

MONTREAUX - Com uma equipe reserva, a seleção brasileira feminina de vôlei conseguiu, nesta quinta-feira, a sua terceira vitória seguida na fase de classificação do Montreux Volley Masters, na Suíça, um dos mais importantes torneios amistosos do mundo. A vítima da vez foi a Rússia, semifinalista olímpica, batida em três sets, com parciais de 25/14, 25/20 e 25/23.

Os dois times disputam o torneio com uma espécie de time B, analisando novas jogadoras visando o início do ciclo olímpico. A Rússia está na Suíça sem nenhuma jogadora que disputou os Jogos de Londres, enquanto o Brasil tem um time quase inteiramente renovado, com a manutenção de Adenízia, Dani Lins e Fernanda Garay.

Mas o destaque da equipe, até aqui, tem sido a ponta Pri Daroit, atleta treinada por José Roberto Guimarães em Campinas. Nesta sexta, contra as russas, ela fez 17 pontos e foi, pelo terceiro jogo seguido, a principal pontuadora do Brasil.

Classificado em primeiro no Grupo A da competição, a seleção brasileira agora enfrenta quem passar em segundo do Grupo B, que tem Alemanha, Japão e Itália. O Brasil avançou com três vitórias por 3 a 0. Antes, havia passado por Suíça e China.

27 de mai de 2013

BRASIL ESTREIA CONTRA A SUÍÇA NO TORNEIO VOLLEY MASTERS

O bicampeonato olímpico entrou para a história e, nesta semana, a seleção brasileira feminina de vôlei tem o primeiro desafio do novo ciclo olímpico. O Brasil estreia na tradicional Montreux Volley Masters às 16h desta terça-feira (28/05), na Suíça, contra as donas da casa. As brasileiras lutarão pelo sexto título da competição, depois de ficar de fora das últimas três edições.

O time verde amarelo está no grupo A e terá como adversários na primeira fase além da Suíça, a Rússia e a China. Já o grupo B é composto por Itália, Alemanha, Japão e República Dominicana. As equipes se enfrentarão dentro dos seus respectivos grupos e as duas melhores se classificarão para as semifinais.

O Brasil será representado na Montreux Volley Masters pelas levantadoras Claudinha, Dani Lins e Fabíola, as opostos Monique e Tandara, as ponteiras Fernanda Garay, Ellen, Priscila Daroit e Michelle, as centrais Juciely, Adenízia, e Letícia Hage, e as líberos Suelen e Camila Brait.

O treinador José Roberto Guimarães chamou a atenção para a importância da primeira competição do novo ciclo olímpico e pediu atenção contra as donas da casa.

“O torneio de Montreux é muito tradicional. Nosso grupo é difícil. A Suíça, apesar de não ter muita tradição, tem algumas jogadoras atuando em vários países da Europa. Muitos não valorizam, mas é uma equipe que cresce no cenário internacional e que precisa de atenção”, disse José Roberto Guimarães, que também comentou sobre o grupo brasileiro.

“Depois da Suíça, temos a China, que vem de um torneio realizado em casa, e a Rússia que também realizou alguns amistosos. Temos visto uma melhora diária do nosso time, de entrosamento e volume de jogo. Nossa seleção tem uma média de altura mediana, mas que vai dar muito trabalho no volume de jogo. As meninas têm qualidade técnica. Será um grande teste”, finalizou o treinador tricampeão olímpico.

Jogos do Brasil no Mountrex Volley Masters
28/05 - Terça-feira

16h00 - Brasil x Suíça
29/05 - Quarta-feira

13h30 - Brasil x China
30/05 - Quinta-feira

13h30 - Brasil x Rússia
Vocês podem assistir também no site europeu Sportlemon.Tv
neste link(não esqueça do fuso horário que é uma diferença de 5 horas.Ex:. 17.00hs(será no Brasil 22.00hs)
http://www.sportlemon.tv/

Volei na Rede

FINAL TRÁGICO PARA A JOGADORA INGRID VISSER

A polícia espanhola encontrou dois corpos em Alquerías perto de Murcia e acredita ser os restos mortais de Ingrid Visser e seu companheiro Lodewijk. Dois suspeitos foram presos. Os corpos foram parcialmente enterrados. Segundo um relatório não oficial a jogadora holandesa foi vítima de assalto.
A família do casal ainda não foi comunicada oficialmente, mas está apreensiva com as notícias vindas da Espanha.
Entenda o caso
Ingrid e marido foram até Murcia onde a ex-jogadora da seleção holandesa passaria por consulta médica no dia 15/05, mas não compareceu ao compromisso. O casal foi visto pela última vez no dia 13/05 no hotel onde estavam hospedados. Após uma semana de buscas o carro alugado por eles foi encontrado intacto em uma rua de Murcia no dia 22/05.
Visser tinha 35 anos e foi a jogadora que mais atuou pela seleção da Holanda, com 514 jogos, e disputou as olimpíadas de 1996, em Atlanta. Em 1998, a jogadora atuou no Brasil defendendo o Minas.

Desabafo de Érica
Érika Coimbra, ex-jogadora da seleção brasileira, ficou chocada com a notícia da morte de Ingrid Visser:
“Estou indignada. Era muito amiga dela e sempre a gente se falava. Passamos a virada de ano juntas e ela me pareceu muito feliz e tinha planos de engravidar. Era o sonho dela. A Ingrid não apresentava nenhum tipo de problema emocional, pelo contrário, estava ótima”.
Érika e Visser não jogaram juntas, mas se enfrentaram várias vezes:
“Falei com ela há dois meses. O Brasil era a segunda casa da Ingrid e ela adorava o país. Namorou durante 9 anos com um brasileiro, mas terminaram. Pessoa alegre, inteligente, do bem, divertida e com sorriso no rosto”.
A jogadora não desconfia do que possa ter acontecido, mas alerta:
“Com essa máfia e pobreza na Espanha, pode ter tido a má sorte e ter encontrado um desses filhos da p… como temos aqui, que roubam, estupram e ainda matam por 10 euros. Espero que a polícia encontre os culpados. Fico revoltada”.
Érika está no Brasil de férias e estuda propostas do vôlei brasileiro e europeu.

O técnico Zé Roberto Guimarães aposta em Dani Lins para mais um ciclo olímpico

Antes das Olímpiadas de Londres, a busca de Dani Lins pela vaga na equipe foi intensa e decidida apenas semanas antes da
competição. No entanto, a evolução da levantadora foi tamanha que ela conseguiu a vaga de titular e foi um dos destaques da equipe.
Agora, a atleta participa de um novo ciclo olímpico com o técnico osé Roberto Guimarães, mas desta vez desde o começo.
Dani Lins está de volta a Saquarema, onde fica o Centro de Treinamento da Sleção Brasileira, agora com novos objetivos: o Montreux
Volley Masters, de 28 de maio a dois de junho, e o Torneio de Alassio, que acontecerá de 4 a 10 de junho, na Itália.
"Começamos bem o ciclo olímpico. A equipe tem treinado forte. E espero iniciar com o pé direito em Montreux. Temos que trabalhar ainda mais. Tanto em 2009 quanto agora temos uma mescla de jogadoras novas e experientes. Isso é muito bom para os dois lados. O grupo está muito animado. Nossos principais objetivos continuam sendo Mundial e Olimpíada", ressaltou a jogadora.
O embarque do Brasil para a Suíça será neste sábado. Já a estreia no Montreux Volley Masters está agendada para a próxima terça-feira. No entanto, o pensamento de Dani Lins também está nos próximos Jogos Olímpicos, no Rio de Janeiro.
"Sabemos que por ser no Brasil, haverá uma cobrança maior nos Jogos Olímpicos, mas isso faz parte. No entanto, ainda tem muita coisa para acontecer antes disso. Temos que trabalhar duro no dia a dia para as coisas acontecerem", afirmou.
Desta vez, quem se surpreendeu com a convocação de Zé Roberto foi Juciely. "Não esperava voltar agora porque nós, da Unilever, terminarmos um pouco mais tarde com a disputa do Sul-Americano de Clubes. Estou um pouco fora de forma, pois fiquei duas semanas paradas, mas estou aqui para ajudar. É um novo ciclo. Toda a oportunidade é bem vinda. Tenho que trabalhar para essas oportunidades aparecerem", garantiu a atleta.
Além delas, também integram a Seleção as levantadoras Claudinha e Fabíola, as opostos Monique e Tandara, as ponteiras Fernanda Garay, Ellen, Priscila Daroit e Michelle, as centrais Bia, Adenízia, Angélica e Letícia Hage, e as líberos Suelen e Camila Brait.

25 de mai de 2013

Porto Rico foi um dos mais fortes adversários da China até o presente

O China International Women’s Volleyball Tournament está em fase de conclusão com a China chegando com uma vitória difícil contra Porto Rico, no penúltimo dia do torneio.
A seleção feminina chinesa enfrentou seu maior desafio no torneio até agora ao jogar com Porto Rico e vencer por 20-25, 23-25, 25-17, 25-17, 15-11 sets.
Após uma vitória apertada sobre Cuba na quarta-feira, Porto Rico manteve o seu espírito e condição extraordinária, tendo o primeiro set de sua partida contra a China 25-20. China voltou aquecida gradualmente no segundo set e manteve uma pequena vantagem por um tempo mas problemas com seu bloqueio e falta de contra-ataques eficientes impediu de amarrar o placar no set.
Caindo 0-2 atrás, Lang Ping decisivamente ajustou as táticas de defesa da equipe, que alterou definitivamente os três sets seguintes para a China com seus "serviços"(saques)e bloqueios" mais eficiente. Tomando os últimos três sets 25-17, 25-17, 15-11, China reivindicou uma vitória difícil contra Porto Rico.
No segundo jogo da tarde, a Tailândia venceu Cuba por 3-2 (25-18, 27-25, 17-25, 23-25, 15-11) para tirar sua primeira vitória em Shenzhen Stage. Cuba é o único time que não venceu uma partida no torneio.

Com Gamova MVP , Kazan conquista o russo feminino pela terceira vez seguida !!

O Dínamo Kazan conquistou o tricampeonato russo durante a semana. A equipe de Gamova venceu as duas partidas seguintes da série contra o Dínamo Moscou por 3-0 e fechou em 3-1 o confronto. A oposta russa Gamova foi a MVP da competição e no último jogo marcou 29 pontos em apenas três sets de partida. Já o Dínamo Moscou não rendeu o mesmo da primeira partida , onde a equipe saiu vencedora. Osmokrovic e Goncharova até tentaram, mas faltou forças para o Moscou. 3ª Partida Dínamo Moscou 0 x 3 Dínamo Kazan (18/25 , 22/25 e 21/25) Osmokrovic 18 pontos. (Moscou) Gamova 19 pontos. (Kazan) 4ª Partida Dínamo Moscou 0 x 3 Dínamo Kazan (14/25 , 19/25 e 21/25)
Osmokrovic 13 pontos. (Moscou)
Gamova 29 pontos. (Kazan)
Omichka conquista o terceiro lugar.
O Omichka-Omsk conquistou o terceiro lugar do Campeonato Russo Feminino.
A equipe de Mammadova , Fateeva e Alisheva bateu o Uralochka de Ruiz , fechando a série em 3-1. Mammadova como sempre foi o
grande destaque da equipe.
3ª Partida
Uralochka-NTMK 3 x 2 Omichka-Omsk (25/23 , 23/25 , 25/21 , 26/28 e 15/11)
Ruiz 29 pontos. (Uralochka)
Mammadova 37 pontos. (Omichka)
4ª Partida
Uralochka-NTMK 1 x 3 Omichka-Omsk (19/25 , 25/22 , 18/25 e 21/25)
Ruiz 24 pontos. (Uralochka)
Mammadova 30 pontos. (Omichka)
fonte : volleyservice.ru
volley.ru

Seleção brasileira feminina embarca neste sábado para a Suíça

Falta muito pouco. Na próxima terça-feira (28/05), a seleção brasileira de vôlei feminino estreia na temporada 2013 disputando o torneio Volley Masters, em Montreux, na Suíça, e hoje foi anunciado que a equipe viaja para a Europa neste sábado (25/05).

Enquanto isso, a seleção segue treinando e acertando os últimos detalhes em Saquarema. Nesta quinta-feira (23/05), foi a vez de Dani Lins falar um pouco de sua experiência na seleção. Contestada por alguns torcedores, a levantadora parece ter assimilado a pressão e hoje é a referencia no time que tem várias jogadoras poupadas pelo técnico José Roberto Guimarães.

“Espero iniciar com o pé direito em Montreux. Começamos bem o ciclo olímpico. A equipe tem treinado forte e temos que trabalhar ainda mais. Tanto em 2009 quanto agora temos uma mescla de jogadoras novas e experientes. Isso é muito bom para os dois lados. O grupo está muito animado. Nossos principais objetivos continuam sendo Mundial e Olimpíada”, afirmou Dani Lins.

Além de Dani, estão em treinando no Aryzão as levantadoras Claudinha e Fabíola, as opostos Monique e Tandara, as ponteiras Fernanda Garay, Ellen, Priscila Daroit e Michelle, as centrais Bia, Adenízia, Angélica, Juciely e Letícia Hage, e as líberos Suelen e Camila Brait. De todas, apenas Angélica, contundida, não deverá viajar para a Suíça.

Fonte:. Voleibol Sion

Sokolova acerta com o "Dinamo Krasnodar"

Após anunciar na última quarta-feira (08/05) a sua saída do Eczacibasi da Turquia, a ponta russa Liubov Sokolova decidiu nesta sexta-feira (10/05) o seu futuro nas quadras.

Especulada para jogar no Vôlei Amil após ser flagrada em conversas com o técnico José Roberto Guimarães durante sua visita a Turquia em Abril, Sokolova fechou contrato com o Dinamo Krasnodar, da Rússia.

Segundo o site oficial do clube russo, a jogadora assinou por dois anos. "Há algum tempo estamos negociando a vinda de Sokolova e finalmente após o término do contrato dela com o Eczacibasi foi possível", disse Andrey Makarov, gerente geral do clube ao site do time.

Andrey completou elogiando a atleta. "Sokolova é um diamante e uma jogadora assim faz a diferença em toda a equipe", afirmou ao site do Krasnodar.

Na nota, Sokolova também deixou seu recado sobre a negociação. "Após a rescisão do contrato eu recebi uma proposta do Dínamo e essa equipe sempre se mostrou um time interessante para mim e então decidi retornar a Rússia. Para mim essa transição de ambiente é agradável e emocionante", afirmou a jogadora que finalizou com uma mensagem animadora para os torcedores. "Vou tentar fazer de tudo no que depender de mim para colocar o Krasnodar como o número 1 do país."

http://voleibolsion.blogspot.com.br/2013/05/melhor-do-volei-sokolova-acerta-com.html

Osasco confia em Jaqueline, mas se arma com plano B em caso de ‘traição

Jaqueline ainda está sob contrato com o Sollys/Osasco. O compromisso da jogadora com o clube se encerra no fim do mês de maio.

A atleta está apalavrada com os dirigentes, acertou os novos valores financeiros e confirmou para o técnico Luizomar de Moura que vai fazer parte do time para a temporada 2013/14.

Osasco espera apenas o sinal positivo do marketing da empresa para fazer o anúncio oficial da permanência da jogadora.

A indefinição no futuro de Murilo, marido de Jaqueline, fez Osasco traçar um plano B.

Além de Caterina Bosetti, ponteira italiana, o clube se arma e vai trazer outra estrangeira para a posição.

Uma das cotadas é Polina Rahimova, ucraniana e naturalizada no Azerbaijão. Polina tem 1,96m, 22 anos e jogou as últimas temporadas no Azerrail Baku.

Bruno Voloc-Uol

22 de mai de 2013

Caso Visser:. família distribui cartazes com fotos de Ingrid Visser

Após encontrarem o carro que a ex-jogadora Ingrid Visser utilizou pouco antes de ser dada como desaparecida, a polícia divulgou nesta quinta-feira (23/05), que o caso está sendo classificado como “desaparecimento preocupante”.

Sem nenhuma novidade, a polícia segue analisando as imagens das câmeras do local onde o carro foi localizado e segundo fontes, elas mostram o momento em que o marido de Ingrid, Loderwijk Severein, estaciona o carro no local.

Enquanto a polícia segue as investigações, a família de Ingrid espalhou pelo local mais de 500 cartazes com o intuito de que possa aparecer alguém que tenha visto para onde o casal teria ido.

A polícia também informou que assim que tiver mais novidades, irá divulgar a toda a mídia.

6 de mai de 2013

Na Sérvia,Mihajlovic já dá entrevistas como atleta da Unilever

Ainda não é oficial, mas a Unilever já tem a substituta para a canadense Sarah Pavan, destaque do time na última Superliga. Neste fim de semana, a sérvia Mihajlovic, que atua no RC Cannes da França, deu declaração a um site sérvio falando quase como jogadora do time carioca.
Segundo ela, a insitência de Bernardinho fez com que ela aceitasse a proposta brasileira.
"Bernardinho, por todos os resultados que alcançou, é provavelmente o treinador de maior sucesso em todo o mundo e é uma grande honra ter a oportunidade de aprender com ele. Estou particularmente feliz porque ele insistiu para que eu fosse contratada, o que significa que ele gosta do meu jogo", disse a ponteira.
A Unilever ainda não divulgou de forma oficial a contratação pois está concentrada para a disputa nesta domingo, à meia noite, da última rodada do Sul-Americano de Clubes, em que decide o título contra a Universidad César Vallejo, do Peru.
Somente após a finalização do torneio, o clube deve divulgar oficialmente as renovações de atletas, assim como as saída de Natália, que já está acertada com o Vôlei Amil.

5 de mai de 2013

Taiana e Talita faturam ouro em Xangai no vôlei de praia

Um dia depois de Bruno Schmidt/Pedro Solberg e Ricardo/Álvaro Filho ganharem prata e bronze, respectivamente, o Brasil fechou o Grand Slam de Xangai do Circuito Mundial de Vôlei de Praia no topo do pódio, neste domingo. Com direito a uma vitória arrasadora na final, Taiana e Talita garantiram a medalha de ouro entre as mulheres, sendo que o País ainda teve as irmãs Maria Clara e Carol conquistando o terceiro lugar desta segunda etapa da temporada.
Taiana e Talita começaram a trilhar o caminho do ouro neste domingo ao derrotaram justamente Maria Clara e Carol em uma das semifinais. Elas bateram as suas compatriotas com certa facilidade por 2 sets a 0, parciais de 21/15 e 21/11.
Em seguida, na decisão, Taiana e Talita ganharam de forma ainda mais expressiva das austríacas Schwaiger D. e Schwaiger S., superadas com parciais de 21/13 e 21/11. Assim, a dupla brasileira formada somente nesta temporada faturou o seu primeiro título internacional e somou mais 800 pontos no ranking mundial.
"Estou muito feliz por ter vencido com minha nova equipe, minha nova parceira", comemorou Taiana, ao levar o seu primeiro ouro em oito participações no Circuito Mundial, no qual também foi medalhista de prata em 2010 e de bronze em 2011.
"Taiana jogou demais e estou muito feliz por ela ter conquistado sua primeira medalha de ouro no circuito. Conseguimos ajustar vários pontos para ganhar aqui em Xangai e sinto que estamos fazendo um bom trabalho pelo Brasil", completou Talita, já acostumada a subir ao topo do pódio, pois já tinha outros 13 ouros no Circuito Mundial.
Derrotadas na semifinal, Maria Clara e Carol garantiram a medalha de bronze ao baterem a parceria holandesa formada por Van Gestel e Meppelink por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 16/21, 21/19 e 15/8. Com isso, as brasileiras somam mais 640 pontos no ranking mundial.
"Foi muito difícil para nós jogar o primeiro set contra as holandesas, porque ainda estávamos sentindo a semifinal. Então, eu disse: 'É nosso último jogo aqui e precisamos fazer o melhor, podemos jogar melhor, mesmo se perdermos'. Conseguimos reagir, jogar bem e garantir o terceiro lugar. Foi demais", festejou Maria Clara, que completará 30 anos de idade nesta segunda-feira.
Depois da realização de duas etapas na China - antes o país asiático abriu a temporada em Fuzhou -, o Circuito Mundial voltará a ser disputado entre os dias 22 e 26 de maio, quando ocorrerá o Grand Slam de Corrientes, na Argentina.