8 de jun de 2013

Brasil renovado vence a Polônia na estréia da Liga Mundial de Volei

A Seleção Brasileira masculina de vôlei, renovada para o novo ciclo olímpico, venceu nesta sexta-feira sua primeira partida oficial. O time comandado por Bernardinho estreou na Liga Mundial com uma vitória sobre a Polônia, na casa dos adversários, por 3 sets a 1, com parciais de 25/22, 25/20 e 22/25 e 25/15. O jogo, válido pela primeira rodada do Grupo A, foi realizado em Varsóvia e durou exatas duas horas.

O Brasil, que teve as aposentadorias de Giba, Ricardinho, Rodrigão e Serginho depois da medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres, no ano passado, realizou nesta sexta a primeira partida oficial com a nova formação. Nos últimos dias, o time de Bernardinho havia disputado dois amistosos contra a Rússia.
Atuando com o levantador Bruninho, o oposto Vissotto, os centrais Lucão e Éder , os pontas Dante e Lucarelli e o líbero Mário Jr. na formação titular, o Brasil oscilou no começo do jogo em Varsóvia nesta sexta, abrindo 6/2 no primeiro set e sofrendo a virada logo depois. A Seleção só recuperou a frente no marcador na parte final da etapa, quando soube sustentar a vantagem até fechar em 25/22.

Pelo Grupo do Brasil, Bulgária e Argentina também vencem na estreia

Além da Seleção Brasileira Masculina, outras duas equipes também começaram bem no Grupo A da Liga Mundial de Vôlei. Em duas partidas bem equilibradas, Bulgária e Argentina venceram nesta sexta-feira, e, assim como o Brasil, também jogaram na casa do adversário.

Na França, a Bulgária teve muitas dificuldades diante dos anfitriões e precisaram do tie-break para conquistar a primeira vitória na competição mundial, por 3 sets a 2, com parciais de 21/25, 25/14, 25/21, 22/25 e 11/15.

A Argentina por sua vez enfrentou os Estados Unidos, atuais vice-campeões da Liga Mundial, e também não teve vida fácil. Fora de casa, a equipe sul-americana venceu por 3 sets a 1, com parciais de 25/18, 25/21, 22/25 e 26/24.

Já no Grupo B, os confrontos foram menos equilibrados. A Rússia fez a lição de casa e derrotou o Irã, por 3 sets a 0, o mesmo placar feito pela Itália contra a Alemanha. Cuba, por sua vez, decepcionou e acabou perdendo para a Sérvia, em casa, por 3 sets a 1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário