19 de jul de 2013

Itália derrota Bulgária e fica perto de classificação à semi da Liga Mundial

Favoritas à classificação para as semifinais, já que a anfitriã Argentina chegou à fase final justamente por ser sede e não apresenta um desempenho do mesmo nível dos adversários, Bulgária e Itália duelaram em busca do primeiro lugar do Grupo A. Depois de um disputado duelo entre Canadá e Rússia em Mendoza, as seleções europeias não deixaram a desejar e também fizeram um bom jogo. Ainda na estreia, os italianos foram superiores e garantiram a vitória por 3 sets a 1, com parciais de 25/18, 18/25, 25/22 e 26/24.

Após o bom início, com uma vitória na competição, justamente contra a seleção da casa, a Bulgária não começou bem a partida e fo surpreendida pela Itália. Com um desempenho do adversário inferior ao que era esperado, os italianos precisaram de 23 minutos para fazer 25 a 18 e abrir 1 a 0 na partida.

O segundo set foi muito parecido com o primeiro, teve o mesmo placar e a mesma duração de jogo, mas os papéis foram invertidos. Depois de uma primeira parcial apagada, a Bulgária acordou na partida, dominou os italianos e empatou em 1 a 1, mostrando que a briga pelo primeiro lugar da chave seria acirrada.

Após "colocar a casa em ordem", Bulgária voltou melhor para o terceiro set, abriu vantagem sobre a Itália, mas não conseguiu manter o mesmo ritmo. Os italianos, por outro lado, mostraram um desempenho surpreendente nos minutos finais, empataram a partida e viraram na sequência, passando à frente novamente, fechando em 25 a 22.

O último set do jogo foi ainda mais disputado. Para ficar ainda mais perto da vaga, a Bulgária novamente começou melhor, ficou à frente do marcador em boa parte do tempo, mas não manteve o ritmo. Os italianos, que faziam a estreia na fase final, se aproveitaram dos erros búlgaros e fecharam o jogo em 26 a 24, ficando a um triunfo das semifinais.

Nesta sexta-feira, às 20h (de Brasília), a Itália volta às quadras para confirmar sua classificação para as semifinais diante da Argentina. As duas seleções que avançarem pelo Grupo A encaram as equipes que garantirem as vagas da chave B, na qual o Brasil encara o Canadá.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

Nenhum comentário:

Postar um comentário