29 de ago de 2013

Brasil vence anfitrião Japão e lidera fase final do Grand Prix de vôlei

Após atropelar os Estados Unidos na primeira rodada, a Seleção Brasileira voltou a jogar bem e não tomou conhecimento do anfitrião Japão, fazendo 3 sets a 0 sobre as donas da casa, com parciais de 25/21, 25/22 e 25/17, em Sapporo. O resultado colocou a equipe verde e amarela na liderança da fase final do Grand Prix, com seis pontos, sendo a única equipe com nenhum set perdido na parte decisiva da competição até o momento. 
Melhor campanha na primeira fase, a China também possui duas vitórias, porém como perdeu um 2 sets para a Itália na partida desta quinta-feira parou nos cinco pontos. O Japão, que havia vencido a Itália na quarta, caiu para o terceiro lugar. As brasileiras voltam à quadra na madrugada desta sexta-feira, a partir das 3h30, para encarar a equipe da Itália.
As comandadas de José Roberto Guimarães começaram perdendo o primeiro set e tiveram que se recuperar no meio da parcial, graças principalmente aos ataques da ponteira Gabi. Com a equipe um pouco impaciente com a boa defesa das japonesas, o treinador resolveu colocar a oposto Sheilla no lugar de Monique para dar mais tranquilidade ao time. A troca deu resultado e o Brasil fechou a parcial por 25 a 21.

No segundo set, o Brasil voltou a errar muito no início da parcial e viu as japonesas abrirem 12 a 6. Aos poucos, com bons bloqueios e saques, o time foi se recuperando e empatou em 14 a 14. As anfitriãs voltaram a abrir vantagem, mas o Brasil se recuperou no fim, graças principalmente ao bom desempenho de Thaisa e Fernanda Garay. Com pontos seguidos, o time venceu por 25 a 22.
A terceira parcial foi a mais tranquila. Sem ser praticamente ameaçado, o time de Zé Roberto Guimarães viu  Gabi brilhar novamente e venceu por tranquilos 25 a 17. A maior pontuadora do jogo acabou sendo exatamente a ponteira de 19 anos, que fez 19 pontos no total. Apesar disso, Fernanda Garay que foi eleita como melhor da partida pelo seu desempenho nas recepções, além dos 15 pontos feitos no jogo. Thaisa foi outro destaque, ao fazer 14 pontos, sendo seis de bloqueio.
Após a partida, as brasileiras reconheceram que tem de ter muita paciência para superar o forte jogo defensivo da equipe japonesa. "Estou muito feliz, foi uma vitória importante. Quem viu a partida sabe, que apesar dos 3 a 0, foi muito difícil. Contra as japonesas tem que ter muita paciência, muito volume de jogo. Sofremos bastante nos começos do set...Dá até uma agonia (as japonesas defenderem tanto). Tem que tentar explorar demais a mão de fora para colocar a bola no chão", disse Gabi.
"No início passamos a nos desesperar pelas defesas delas. Quando entrei, pedi: 'vamos ter tranquilidade, trabalhar mais a bola'. Acabou dando certo e a equipe vai evoluindo aos poucos", disse a oposto Sheilla.

Nenhum comentário:

Postar um comentário